ELE & ELA – SOCIEDADE ANÔNIMA

Por Humberto de Luna Freire Filho

IMAGEM: www.odefensrcosmearaujo.com.br

Depois das revelações do ex-deputado Pedro Corrêa não resta a menor dúvida de que o Exu de Garanhuns era o chefe supremo da quadrilha que assaltava a Petrobras.  Parceiro do ex-presidente na criminosa empreitada desde a época do mensalão, Corrêa gozou um bom período de férias na cadeia e agora com a ampliação da operação Lava Jato chega-se novamente a ele levando-o a pensar em ser o primeiro político a aderir a uma delação premiada para não apodrecer na cadeia.

 Terminado o segundo mandato do Exu e a consequente ascensão da criatura, a roubalheira continuou a todo vapor na maior empresa brasileira. O volume de dinheiro surrupiado da estatal cresceu tanto a ponte de começar uma briga entre duas facções do Partido Progressista (PP)  pela distribuição do butim. A quadrilha liderada por Pedro Corrêa e Nelson Meurer se confrontava com a quadrilha liderada por Agnaldo Ribeiro e Artur Lira, esse último, vê se pode, é o atual presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara.

Para que a podridão dentro do partido não ultrapassasse os muros, foi convidada como mediadora do arranca rabo nada mais nada menos que a presidente da República Federativa do Brasil, a dona Dilma Vana Rousseff, que por sua vez convocou a então ministra das Relações Institucionais, a eclética Ideli Salvatti, e o então ministro da Secretaria-Geral da Presidência e cúmplice do crime do prefeito Celso Daniel, Gilberto Carvalho, para que procurassem, na Petrobras, Paulo Roberto Costa, distribuidor de dinheiro roubado, e restabelecessem os pagamentos ao grupo do então deputado Corrêa. Após cumprida a ordem da Presidente, a paz voltou a reinar no sub mundo do crime organizado.

Humberto de Luna Freire Filho, medico

Facebookmail

2 ideias sobre “ELE & ELA – SOCIEDADE ANÔNIMA

  1. HUMBERTO, o PP é o partido laranja do pt, todos os membros estão envolvidos, a unica excessão é o BOLSAL NARO, uma vez perguntei à ele porque ñ saia desse partido, q so tinha ladrão,, se,, existia algum, falou,tambem,q ñ participa de nada desse partido,em nada se manifesta. Elias

  2. Caro Sr Humberto, sempre tive o maior respeito aos médicos, afinal são vcs que tiram a maioria das dores das pessoas, pacientes as vezes em situação terminal, sempre nos hospitais em atendimento ambulatorial e o pior, os plantões intermináveis, várias vezes escrevi cartas comparando o salário dos médicos, muitos com mais de um emprego para fazer jús a um salário digno(diferente de outras classes com pouco saber humano e salários altos), sai de Sete Lagoas em 1969 para ser soldado, e fui 35 anos na caserna, cheguei a capitão, para muitos é nada mas para quem foi soldado, faxineiro, lavador de privadas, engraxate nas oficinas, bater ferrugem nos cascos dos navios a 45 graus é muita coisa na vida e para mim não foi diferente, mas meus amigos daqui de minha idade todos, são médicos e posso avaliar a diferença e o sofrimento de trabalhar que não pode parar afinal aposentar pelo INSS dá medo e não acompanham a vida acostumada, mas vc é ainda diferente pois além de medico oferece ao povo cartas muito claras e de opinião balizada, gosto de ler o que escreves, diferente de Uriel e Negrão pois sempre enaltecem o governo petista, ai fica difícil gostar do que escrevem, mas as vezes penso em parar de escrever pois noto que boa parte da imprensa escrita tem uma paixão pelo governo atual, pela não publicação da maioria das cartas que envio, torço pra vc continuar com suas belas cartas, sempre ajudam e esclarecem a todos nós que torcemos pelo engrandecimento de nossa Nação, não acredito que com este time petista consigam levantar o país, acho também o psdb fraquíssimo e sempre observo FHC falar coisas antes da eleição que atrapalham seus candidatos, parece o pelé quando fala, mas envio um forte abraço ao amigo e fico daqui em sete lagoas mg, torcendo pelo seu sucesso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *