QUE ELE MANTENHA O DISCURSO!

Por Humberto de Luna Freire Filho

 NAMORO DE CORRUPTOS? ESPERO QUE NÃO!
Alexandre de Moraes e o presidente da CCJ do Senado, Edison Lobão - Dida Sampaio/Estadão
FOTO: Jornal o Estado de São Paulo – 22/02/17 – Primeira página – Dida Sampaio

O indicado pelo presidente Michel Temer para ocupar a vaga do falecido ministro Teori Zavascki no Supremo Tribunal Federal (STF), em sabatina realizada na Comissão de Constituição e Justiça  (CCJ) do Senado, defendeu a Operação Lava Jato, criticou o “ativismo judicial” e também defendeu a prisão após decisão de segunda instância, e deixou claro que não deve favor. Espero que não mude o discurso e continue sem dever favores a nenhuma das quadrilhas que atuam nos três poderes da República.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

 

Facebookmail

8 ideias sobre “QUE ELE MANTENHA O DISCURSO!

  1. Não sei identificar o pior : o escolhido, quem o indicou, a banca examinadora, ou a ” cerimonia ” de consagração ” no surubódromo maior do país !

  2. Humberto, como eu já disse antes, Alexandre Morais é um trapalhão, boquirroto, gosta de aparecer, não pode ver um banquinho que quer subir em cima para falar alguma coisa, mesmo que para duas pessoas. Mas parece que tem conhecimento jurídico, o que já é alguma coisa. Eu preferiria o Gandra Martins, que tem um perfil muito mais discreto, e parece não ser ligado a nenhum grupo político. Mas se compararmos o Alexandre Morais com o Toffoli e o Lewandowski, não resta dúvida de que Alexandre é uma escolha muito melhor para o Brasil. Aqueles dois foram indicados sob encomenda para ajudar a perpetuar o projeto criminoso de poder do PT.

  3. Sabe na verdade o que eu acho? Há pelo menos uma vantagem na outorga de ministro do STF para Alexandre de Moraes: ele quebrará a imensa, a paquidérmica monotonia e pasmaceira daquelas excelências que compões o tribunal. Vai agitar um pouco aqueles senhores e senhoras que parecem cochilar em seus tronos e que emitem pareceres sussurrantes e chatérrimos.

    • É possível Regina, ele gosta de ôba-ôba, aliás não pode ver um microfone ou o clarão de um refletor que já procura um banquinho para discursar. Espero que o clarão não seja um raio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *