SEREMOS, ALGUM DIA, UM PAÍS SÉRIO?

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para imagem para um homem de visãoIMAGEM: Dreamstime

É desanimador ver as figuras que hoje comandam os três poderes da República, e sem uma perspectiva de mudanças a curto e a  médio prazo. Na década de 60, o general, político e  estadista francês, Charles André Joseph Marie de Gaulle, disse: ” O Brasil não é um país sério”,  e  olha que ele não conhecia Euníco de Oliveira, Rodrigo Maia, Fernando Collor de Mello, Renan Calheiros, o jerico de Garanhuns, a anta mineira, Sérgio Cabral, Romero Jucá, Elizeu Padilha, Gilmar Mendes, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski. Naquela época, só haviam “assentado praça” no crime organizado apenas ACM, pai de santo da Bahia e as duas múmias do Maranhão, José Ribamar, vulgo José Sarney, e Edison Lobão,  Temos que tirar o chapéu para o francês, um verdadeiro homem de visão.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

2 ideias sobre “SEREMOS, ALGUM DIA, UM PAÍS SÉRIO?

  1. Humberto, você mencionou o General De Gaulle, mas também poderia ser Winston Churchill, como exemplos de grandes figuras políticas. Talvez seja isso que está fazendo falta ao Brasil. Grandes homens se interessarem por política, e liderarem uma mudança de comportamento na maneira de fazer política. De Gaulle, no momento em que a cúpula política da França cedia à tentação de aceitar um armistício vergonhoso com os nazistas, em junho de 1940, ele, mesmo condenado à morte pelo regime colaboracionista de Vichy, voou para a Inglaterra, de onde comandou a resistência francesa. Churchill, por sua vez, em posição destacada no almirantado inglês, na Primeira Guerra Mundial, após o desastrado episódio em Dardanellos, onde milhares de soldados britânicos e australianos morreram, caiu em desgraça. O que ele fez? Mesmo não precisando, alistou-se como soldado raso e foi enfrentar os alemães nas trincheiras da Europa. Enquanto os bons brasileiros não se interessarem pela política, eles serão governados pelos maus brasileiros. Como ocorre nos dias atuais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *