COMENTO MAIS UMA VEZ SOBRE A DESMORALIZADA “suprema corte”

Por Humberto de Luna Freire Filho    *deputado não reeleito é deputado preso*

SUPREMA CORTE DOS EUA – SEM COMPLEXO DE VIRA LATA – QUANTA INVEJA 

IMAGEM: BRENO SALVADOR/ COM IMPRENSA INTERNACIONAL

SUPREMA CORTE DO BRASIL – CHIQUEIRO NACIONAL – QUANTA VERGONHA
Resultado de imagem para IMAGEM PARA MINISTROS DO stf
IMAGEM: G1 – Globo

Depois que colei o último texto de uma série de três me referindo ao puteiro STF,  eu havia decidido não mais falar sobre esse antro de corruptos, mas… “penso, logo existo” (Cogito, ergo sum –  René Descartes). Assim sendo, está difícil  conviver com tanta podridão envolvendo a mais alta corte de justiça do país e permanecer calado.

Senhores advogados não receptadores do dinheiro público roubado e rotulados de honorários, senhores advogados não comprometidos com a OAB, senhores promotores de Justiça, senhores juízes de 1ª e de 2ª Instâncias, senhores procuradores da República, vamos lutar e defender a nossa Suprema Corte de Justiça que a essa altura, para nós e para o mundo, não passa de um chiqueiro.

Sou um profissional liberal na área da saúde, sem nenhuma pretensão política. Não abro mão de meus direitos de cidadão, inclusive o direito de criticar essa bandidagem que tomou conta dos três poderes da República já há 15 anos. Falo de acordo com a minha consciência, não tenho medo de cara feia, muito menos de processos. Aliás, ninguém dessa bandidagem que eu critico tem moral para me processar.

Humberto de Luna Freire Filho, médico – Cidadão brasileiro sem medo de corruptos.

Facebookmail

2 ideias sobre “COMENTO MAIS UMA VEZ SOBRE A DESMORALIZADA “suprema corte”

  1. O fato de alguns politicos lançarem- se à reeleição revela o que pensam de nós: apostam na nossa falta de memória, apostam na nossa falta de discernimento, apostam na mais absoluta ausência de consciência politica e nós enquanto pessoas conscientes, politizadas, que tem no bom senso um divisor de água, precisamos dar a todos eles uma resposta a altura desta desfaçatez. Não reelejamos quem não conseguiu dar provas de ser honesto; não conseguiu dar provas de ter feito algo pelo povo e pelo País e esta demonstração não se resume a apenas números estatísticos, mas a ações concretas, em especial nas áreas da saúde e segurança, pois o cidadão brasileiro quando não morre na fila do SUS,morre alvo de bala perdida ou nem tão perdida assim.

    • Sandra, você esqueceu de dizer que eles, os políticos, apostam principalmente na lentidão, condescendência, complacência, tolerância e proteção do puteiro STF.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *