VAMOS AVIVAR A TINTA DAS FRONTEIRAS NORTE

Por Humberto de Luna Freire Filho

ONGs – QUADRILHAS QUE ATUAM SEM CONTROLE GOVERNAMENTAL
Resultado de imagem para IMAGENS PARA AS ongS
IMAGEM: TRIBUNA DA INTERNET

O presidente eleito Jair Bolsonaro indicou para ministro de Minas e Energia o almirante Bento Costa Lima Leite de Albuquerque Junior, diretor-geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológico da Marinha, cargo que ocupa desde 2016. Espero que a partir de janeiro quando assumir a pasta  já mande um recado para as ONGs internacionais, que a serviço de outros interesses, prospectam áreas de riquezas minerais para, sobre elas, criarem reservas indígenas. Isso vai acabar.

Dá arrepio a qualquer cidadão brasileiro minimamente informado só de lembrar que tivemos  à frente desse importante ministério, de 21 de janeiro de 2008 até 31 de março de 2010, no governo de Luiz Inácio da Silva, o jerico de Garanhuns, e durante todo o primeiro mandato de Dilma Rousseff, a anta mineira, uma besta quadrada de nome Edson Lobão. Período em que as ONGs fizeram a festa transformando o norte do país em uma colcha de retalhos.

Agora teremos à frente um técnico na área de mineração, e por que não dizer também  de segurança  nacional, já que até então estamos com as nossas fronteiras Norte apagadas por conta dessas demarcações imorais, espúrias e acima de tudo anti patrióticas. É inadmissível que setor tão importante tenha sido por muito tempo entregue a um idiota, que sem dúvida  desconhece até a fórmula da água. Um verdadeiro pau mandado de José Ribamar de Araújo Costa, vulgo José Sarney, a múmia do Maranhão.

Humberto de Luna Freire Filho, médico – Cidadão brasileiro sem medo de corruptos

Facebookmail

4 ideias sobre “VAMOS AVIVAR A TINTA DAS FRONTEIRAS NORTE

  1. Jair Bolsonaro com certeza está se esmerando em colocar nos seus devidos lugares gente com competência técnica e não por apadrinhamento politico. Mais do que na hora para limparmos esses lugares por petistas que ainda infestam cargos públicos e assim minar o novo governo. Será a grande oportunidade de varrermos o maldito populismo uma desgraça que se abateu pelo Brasil nos desgovernos petistas e a perpetuidade do toma lá dá cá. uma excrescência no cenário politico brasileiro difícil de acabar!!

  2. Acho que estamos no caminho certo. A indicação de militares impõe além do progresso, ordem a um país que viveu anos de muitos desmandos e descontroles, onde o certo pareceu errado e o errado pareceu certo. A corrupção e a impunidade caminhavam lado a lado e levaram o País a este buraco sem fundos em que fomos metidos. O desemprego beirou as raias do absurdo e a violência restrita à periferia chegou aos bairros de classe média e classe média alta e nos fez ver quão devastador foram os anos em que o PT esteve no poder.

    • Sandra, eu tenho observado que os indicado para compor o novo governo quando não são militares, os civis, mesmo escolhidos a dedo, muitos estão com o rabo preso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *