A MÍDIA PODRE GANHA MAIS ADEPTOS

Por Humberto de Luna Freire Filho

t
IMAGEM: Migalhas


IMAGEM: Foto Thyara Araujo

Parte da nossa mídia  morreu de “inanição” após o governo fechar as torneiras da publicidade oficial superfaturada. A parte ainda viva luta para derrubar o governo e voltar a desfrutar das farras com o dinheiro público proporcionadas pelos governos petistas durante 13 anos. Jornalistas sem caráter, sem personalidade, e sem moral, mudam de opinião como que mudam de roupa. Não fazem jornalismo e ficam de quatro  para seus patrões. Vou citar como exemplo um que por algum tempo acompanhei seus artigos, fiz comentários e até li seus últimos dois livros.

Ele se chama Reinaldo Azevedo, colunista da Folha de São Paulo, a FOLHALIXO, e âncora de um programa de rádio na Bandeirante. Um sabujo dos patrões. Veja o titulo de seu último vômito na UOL: “AMIGÃO: primeiro Trump bate, e, depois, Bolsonaro apanha. Não parece justo?…” O artigo faz referência à decisão do presidente americano de sobretaxar o aço e o alumínio brasileiros exportados para aquele país. Esse cara tornou-se ridículo. Acredito que  ele reconhece e aceitou uma triste  fatalidade; quando foi operado para a retirada de um tumor no cérebro, ocorreu um erro médico: retiraram o cérebro e deixaram o tumor.

Humberto de Luna Freire Filho – Cidadão brasileiro se medo de corruptos

Facebookmail

16 ideias sobre “A MÍDIA PODRE GANHA MAIS ADEPTOS

  1. Dr. Humberto, eu também li muios artigos deste farsante. Ele mudou mesmo de opinião. Perdeu muitos leitores assim como nós Não há o que se aproveitar de seus escritos. É um cretino que perdeu o rumo…

  2. Nao dá para entender o vira casaca…um cara inteligente se vender por tão baixo, apoiar a esquerda podre e abraçar a imprensa marrom. Uma pessoa assim movida por interesses pessoais, abandonar a verdade e sair por ai a denegrir a imagem do governo por pura dor de cotovelo, francamente é muita falta de carater…pegou mal e pra mim perdeu a moral!! Pra voce ver, o Maria vai com as outras ainda está na moda…

      • Sim, infelizmente, admirava demais o Marco Antonio Villa, grande historiador e defensor do governos de direita. Agora voltou-se contra Bolsonaro num destempero inacreditável. Fiquei muiro chateada, a esquerda tomou conta da imprensa..acredito que as pessoas deveriam ser imparciais, podem criticar o que esteja errado e o Governo Bolsonaro nao tem nenhum ano de administração. Pegou uma herança maldita que o PT deixou. Agora querem que se faça o milagre no Brasil. Villa criticava Lula pra valer, agora o meliante solto e ele nao fala nada….realmente, as coisas estão tomando um rumo muito complicado e arrasador em defesa da lei e dos bons costumes…O fim da picada e ainda dizem que estamos num mundo melhor!!! Deixei de ver o Jornal da Cultura depois de ver os entrevistados em peso defenderem os esquerdistas…mudaram todo mundo, Willian Correa e a equipe eram otimos….

  3. A mídia em geral entrou em desespero ,as vacas gordas terminaram,hora de se acostumar tem com a realidade virtual que está transformando o ser humano em robôs.
    Não devemos dar Ibope a esses narcisistas de plantão.
    Respiremos fundo e vejamos onde estamos errando necessitamos da mesma velocidade da informática na solução dos problemas que se repetem a decadas, temos que produzir mais cada vez mais senão nunca sairemos do atoleiro.
    Cada dia mais fala-se em trabalhar menos e consumir mais, está conta nunca vai fechar , até os ano 80 a carga horária era em média 16 horas hoje não passa de 9.
    Vivemos o engana que eu gosto ,basta clcar
    Pensemos

  4. Caro Dr Humberto. Esse cara, é insuportável. Tudo nele é irritante. Foi chutado de alguns locais, porém a mamãe band o acolheu, grande coisa. Só perdem audiência. Esse treco aí; villa; neto dois pulmões, é mais alguns idiotas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *