PT UMA SOFISTICADA ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA

Por Humberto de Luna Freire Filho


IMAGEM: homemculto.com

  A Câmara acaba de aprovar projeto que reduz em 10% os salários da presidente, do vice-presidente e do bando de ministros, de R$ 30.934,70 (fora mordomias) para R$ 27.841,23. Essa medida além de imoral é uma cusparada na cara do cidadão brasileiro.  Assim é fácil, se eu tivesse um salário de R$ 50.000,00 pediria, ou melhor, exigiria um corte de 40%, restariam R$ 30.000,00. O Brasil é um país onde 60% da população, que é composta por trabalhadores sem qualificação profissional, extensa faixa de aposentados, e beneficiários de falsos programas de inclusão social, sobrevivem com um salário mínimo vigente no valor de R$ 880,00 ou menos.

Essa organização criminosa que tomou conta do país precisa ser varrida do poder enquanto é tempo. No mínimo, não teríamos mais que ouvir o exu de Garanhuns dizer que o SUS é o melhor serviço de saúde do planeta, e que ele é a alma viva mais honesta do mundo; ouvir a dona Dilma chamar o país de pátria educadora, e o senhor Michel Temer dizer que não vê nenhuma crise no Brasil, apesar de 11 milhões de desempregados, inflação acima de 10%, PIB negativo de 4%, juros de 14,25%, e o país desmoralizado e desacreditado no exterior. Realmente, Brasília, a terra da fantasia engana. Não quero acreditar em má fé do nosso vice.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

2 ideias sobre “PT UMA SOFISTICADA ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA

  1. O nosso país está de joelhos. Nada funciona, ladroagem por todo lado, o povo nas ruas.. De repente, a Câmara “tira da cartola” esse abatimento nos salários exorbitantes da presidanta, do vice e dos ministros, como se isso resolvesse o pandemônio que vivemos. Na mente poluída e torpe dessa gente, a aprovação desse projeto veio como um “cala a boca” pro povo que há muito não esconde sua revolta; porém, mal sabem eles que para o povo calar a boca, muita, mas muita coisa mesmo precisa ser feita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *