NÃO TEMOS CONGRESSO, TEMOS UM GALINHEIRO

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para IMAGEM PARA GALINHEIRO
IMAGEM: Revista Globo Rural – Globo

Essa câmara dos deputados deveria ao invés de tribuna ter poleiro. Ontem no final da tarde, após um pesado dia de trabalho, resolvi, já que sou cidadão, acompanhar a vida de meu país assistindo à sessão da CCJ. Porém o que presenciei foi um deprimente espetáculo de baixaria promovido por um bando de corruptos membros de uma quadrilha, cujo chefe máximo encontra-se trancafiado cumprindo pena por roubo do dinheiro público.

Esses indivíduos sem vergonha na cara, sem moral, enfim, sem caráter, tentaram tumultuar a sessão e desrespeitar um funcionário do governo, renomado técnico da área econômica, que lá compareceu para dar as devidas explicações sobra a proposta de reforma da previdência. A quadrilha do PT e genéricos deram um verdadeiro espetáculo de baixaria comandada por uma imbecil chamada Maria do Rosário para não falar de outros que lá estavam não por ideologia, mas para defender interesses  pessoais e corporativos.

Outro crápula que tentou aparecer foi o filho do nefasto José Dirceu condenado a 27 anos de prisão por roubo, e atualmente na rua graças a um HC concedido por seu ex funcionário, que hoje, infelizmente travestido de ministro,  preside a mais alta corte do país. E para encerrar a baixaria, não podia ficar de fora a “coxa” Gleisi Hoffmann, que completou a sujeira no pau do galinheiro, com o seu batido blá…blá…blá… que não convence mais ninguém, nem dentro de sua própria quadrilha.

Mas no final quero parabenizar o ministro Paulo Guedes por ter mostrado a essa imundície concentrada na CCJ, que o Brasil mudou. Não é mais o chiqueiro que por 18 anos transferiu bilhões de dólares do BNDES para ditaduras, e usou a maior empresa nacional, a Petrobras,  para protagonizar o maior roubo da história da humanidade. Hoje um jornal de grande circulação mostra em primeira página o calote sofrido pelo BNDES por conta de Cuba e pela Venezuela, um total de R$ 2,3 bilhões. Total responsabilidade desses bandidos que não querem entender que tudo mudou.

Humberto de Luna Freire Filho, médico – Cidadão brasileiro sem medo de quadrilheiros

Facebookmail

DITADURA A BRASILEIRA

Por Humberto de Luna Freire Filho

Não costumo publicar textos que não foram escritos por mim, mas, achei esse  “diálogo” entre um *RUSSO e um *BRASILEIRO, muito interessante e esclarecedor, principalmente nesta semana onde ditadura foi o assunto dominante para a esquerda falida  e a mídia podre. Após o recado da foto segue o “DIÁLOGO”

ALÔ ESQUERDISTAS, A VENEZUELA, CUBA E A NICARÁGUA TEM ESPERAM
Resultado de imagem para imagem para ditadura militar
IMAGEM: Sputinik Brasil

O DIÁLOGO:

*Russo* – Como eu amo a liberdade
*Brasileiro* – É. Não há nada pior que a ditadura.
*Russo* – Mmmm? Vocês também tiveram ditadura no Brasil?
*Brasileiro* – Ô! E como tivemos! Os militares deram um golpe e tomaram o   poder.
*Russo* – Mas como? Fuzilaram o congresso todo?
*Brasileiro* – Não exatamente. Foi o próprio congresso que instituiu.
*Russo* – Mas você não disse que foi um golpe?
*Brasileiro* – Sim.
*Russo* – Não entendi. Mas enfim …. Quantos morreram pelo menos?
*Brasileiro* – 357 pessoas!!!!
*Russo* – É … Para um dia só é bastante.
*Brasileiro* – Não, 357 no total.
*Russo* – No total do que?
*Brasileiro* – Da ditadura!
*Russo* – Peraí, mas foi só uma coisa de uns dias e depois acabou?
*Brasileiro* – Que uns dias que nada ! foram 21 anos de opressão!
*Russo* – E quem foi esse ditador “genocida” que matou 357 pessoas em 20   anos.
*Brasileiro* – Foram 5 ditadores.
*Russo* – De uma vez só?
*Brasileiro* – Não, um depois do outro.
*Russo* – Um depondo o outro?
*Brasileiro* – Claro que não ! Terminava o mandato e vinha outro.
*Russo* – Tipo presidente?
*Brasileiro* – É … Mas só que não. A gente não podia votar!
*Russo* – Então ao invés de um ditador, vocês tiveram 5 representantes com mandato temporário e que matavam 17 pessoas por ano?
*Brasileiro* – Sim. Mas o povo se levantou e tirou eles de lá!
*Russo* – Ah no fim depuseram os militares?
*Brasileiro* – Pode se dizer que sim. Eles saíram do poder.
*Russo* – Mas tá estranho isso. Eles não controlavam o exército? Como o povo   conseguiu isso? Ou eles se armaram também, ou atacaram em grande número.   De uma forma ou de outra deve ter sido a maior carnificina!
*Brasileiro* – Até que não. Os militares anunciaram eleições democráticas e   deixaram o poder.
*Russo* – Deixaram ??? como assim? tipo por conta própria?
*Brasileiro* – É que o povo, no fim, já tava meio contra também …
*Russo* – No fim??? Mas péra! Para sair assim, na boa, só podem ter levado   uma fortuna antes! Devem estar tudo ricos hoje!É certo que ditadores deixam   os países minguados, sem infraestrutura, as pessoas passando fome, a   economia falida, aumento da criminalidade …. e fogem.
*Brasileiro* – Hummm … Não exatamente. Pelo contrário, foi o melhor período   econômico do nosso País. Para se ter uma ideia, em 21 anos de ditadura   crescemos cerca de 3 (três) vezes mais do que os 21 anos seguintes de   democracia. As infraestruturas criadas na época são as principais até os dias   de hoje, algumas delas são as únicas do setor, da região. As pessoas não   passavam fome, pois viviam com dignidade. Os índices de criminalidade eram   insignificantes, comparados com os dos dias atuais. Não fugiram, as famílias   vivem até hoje com os recursos que eles receberam trabalhando, de forma   simples.
*Russo* – Cara, eu respeito sua historia e tal, mas tá meio difícil de acreditar que   vocês tiveram uma ditadura.
*Brasileiro* – Como assim? A opressão era real! Morreram muitos heróis lutando   pela nossa liberdade!
*Russo* – Então havia até mesmo uma oposição?
*Brasileiro* – Ah se havia ! Eles matavam soldados, sequestravam gente   importante, roubavam bancos, plantavam bomba em quartéis.
*Russo* – Que horror ! E os revolucionários, como combatiam isso?
*Brasileiro* – Não, caramba! Tô falando dos heróis, os revolucionários! Presta   atenção!
*Russo* – Tá bom, entendi. Mas esse lance de matar soldado, explodir bomba…   hoje em dia isso não seria terrorismo?
*Brasileiro* – Talvez. Não sei. Mas na época era justificado. Tinha que derrubar   aquele governo cruel.
*Russo* – Mas e roubo a banco e sequestro… não é crime isso dai também?*Brasileiro* – É …Talvez …. mas eles tinham que tirar dinheiro de algum lugar   para manter o movimento, né?
*Russo* – Sim, mas do povo? …
*Brasileiro* – Não tinha alternativa! A União Soviética não estava mais   sustentando a revolução como antes…
*Russo* – Opa! Um momento! A gente que estava financiando vocês contra os   militares?
*Brasileiro* – Sim. Os comunistas soviéticos estavam nos ajudando a derrubar a   ditadura e instaurar a democracia no Brasil.
*Russo* – E você acreditou? Pois a nossa ditadura foi comunista! Matou 21   milhões, durou 74 anos e deixou o país afundado! Você nunca conheceu   opressão, e por isso mesmo não entende o que é liberdade!

*OBS – DESCONHEÇO O AUTOR PARA OS DEVIDOS CRÉDITOS

Humberto de Luna Freire Filho, médico – Cidadão brasileiro sem medo da esquerda falida e da mídia podre.

 

Facebookmail

A JUSTIÇA SOB A ÓTICA DE UM CORRUPTO.

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para IMAGEM PARA MARCO AURÉLIO MELLO
IMAGEM: UOL Notícias

Atenção cidadão brasileiro que possua uma  arma de fogo e saiba atirar. Mantenha-a municiada e em lugar de fácil acesso. Esse aviso é um alerta que servirá de estímulo  e reforço ao seu instinto de conservação. Saiba que a partir do dia 10 de abril um ministro comprometido com a bandidagem estará empenhado em libertar da cadeia 170.000 presidiários que ainda não foram julgados em última instância. Inclua-se nesta leva o crápula Luiz Inácio Lula da Silva.

Esse ministro se chama Marco Aurélio Mello, de tristes origem e memória. Um indivíduo que só circula em carros blindados e vive cercado de seguranças pagos com o meu e com o seu dinheiro. Ele acredita que fará uma reversão do placar 6×5 para o entendimento de que não cabe a execução da sentença depois da decisão de 2ª instância, e diz que sua ótica é homenagear a Constituição; na minha é homenagear o crime. Esse cara é imoral.  Essa nossa Suprema Corte é realmente uma vergonha.

Humberto de Luna Freire Filho, médico – Cidadão brasileiro sem medo de corruptos

Facebookmail

A CÂMARA NÃO ESTÁ PARA BRINCADEIRA… ESTÁ PARA LEILÃO!!!

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para imagem para buda
IMAGEM: Astrocentro

Hoje o jornal o Estado de São Paulo em mais um editorial que provoca náuseas em qualquer cidadão de bem diz que a Câmara dos Deputados manda uma clara mensagem ao presidente Jair Bolsonaro: “não” está para brincadeira. Também acredito que sim, a Câmara dos Deputados não está para brincadeira, está para negócios, e aproveita a larga experiência do seu atual presidente, adquirida quando corretor da bolsa, para “vitaminar” os leilões da Casa.

Três coisas não podem ser escondidas por muito tempo; o sol a lua e a verdade – Siddhartha Gautama. Uma pura verdade. Ontem tomamos conhecimento da alcunha do digno presidente da Câmara na lista de propinas da OAS. Benedicto Junior, conhecido com BJ, revelou em sua delação premiada à Lava-Jato, que operou pagamentos ilícitos para Rodrigo Maia sob os codinomes Botafogo e Déspota — este último mais específico para o pai, Cesar Maia.

Pois é, a nobre excrescência já foi, em sua brilhante trajetória, operador de propina e operador de bolsa de valores. Como operador de propina esteve quatro vezes na OAS entre 2010 e 2013. Ia receber  “anuênios” para o pai. Que país é esse, que tem como presidente da dita casa do povo um ladrão dos cofres públicos? E que ainda encontra apoio de uma mídia podre que elogia seus atos?

Uma outra verdade veio à tona ontem. A máscara de Fernando Haddad, pau mandado do presidiário Luiz Inácio Lula da Silva, caiu. Durante a campanha presidencial de 2018 o poste I, junto com a FOLHALIXO, tentou incriminar os organizadores da campanha de Bolsonaro, acusando-os de “Fake News”. É a velha história, faça o que eu digo e não faça o que eu faço. Na verdade, quem encheu a campanha presidencial de notícias falsas foi ele. O Google confirmou que recebeu R$ 88,2 mil da campanha do PT e o crápula foi condenado pelo TSE a pagar R$ 176.515,18.

Humberto de Luna Freire Filho, médico – Cidadão brasileiro sem medo de corruptos

Facebookmail

CONTINUANDO O PASSEIO PELA MÍDIA PODRE

Por Humberto de Luna Freire Filho

LIXO TÓXICO – MANTENHA DISTÂNCIA
Resultado de imagem para imagem para a vejalixo
IMAGEM: JORNALIVRE

Hoje, 27 de março, depois de ter lido o editorial do Jornal o Estado de São Paulo, de ontem (26/03), resolvi tomar um antiemético e dar sequência a meu passeio pela mídia podre.  Há pouco li matéria de alto valor cívico, ético e moral, publicada  pela VEJALIXO em sua coluna radar. Imagine qual é o assunto – o presente dado pelo deputado Eduardo Bolsonaro à sua noiva, Heloísa Wolf, um anel  que custou uma fábula, R$ 5.300. Primeiro, isso é um assunto pessoal dos dois e eu não acredito que o dinheiro tenha sido roubado.

Vou contar um fato: há 35 anos  decidi presentear  minha mulher com um aliança de platina e diamantes que em valores de hoje não custaria menos de R$ 10.000. EM TEMPO: não sou deputado, não sou filho de presidente, nem sou ladrão, sou um profissional liberal. Então, onde está o motivo para esse lixo usar o fato como matéria publicitária e tentando dar uma conotação suja ao fato? Essa reportagem demonstra um jornalismo decadente e imoral e com uma única finalidade: atacar a família do presidente.

Usando o mesmo raciocínio que fiz para criticar o Estadão em seu editorial de ontem, faço a seguinte pergunta ao jornalista responsável por essa excrescência: por que a sua revista nunca comentou os presentes milionários dados por Sérgio Cabral à sua mulher e os presente dados pelo presidiário Luiz Inácio Lula da Silva à puta Rosemary Noronha, ambos usando dinheiro público?  Provavelmente isso implicaria em corte de verbas publicitarias. Não é verdade VEJALIXO?

Humberto de Luna Freire Filho, médico – Cidadão brasileiro sem medo da mídia podre.

Facebookmail

ESTADÃO, “PROCURA-SE UM PRESIDENTE” – 58 MILHÕES JÁ ACHARAM!!!

Por Humberto de Luna Freire Filho

TCHAU QUERIDAS, OS TEMPOS SÃO OUTROS – O BRASIL MUDOU HÁ 3 MESES
Resultado de imagem para imagem para a mídia
IMAGEM: Pragmatismo Político

A CAMINHO DA EXTINÇÃO – CONTRIBUAM,  USEM AS REDES SOCIAIS
Resultado de imagem para imagem para a mídia
IMAGEM: Pragmatismo Político

MÍDIA SOCIAL – A MÍDIA DO FUTURO – INDEPENDÊNCIA ACIMA DE TUDO
Resultado de imagem para imagem para a mídia
IMAGEM: Interativa

Mais uma vez volto a comentar um editorial do jornal O Estado de São Paulo, desta vez o de hoje (26/03-página 03) sob o título – “Procura-se um presidente”. Ora, quem não sabe que o presidente existe é essa corja de jornalistas e editores comprometidos com a podridão que tomou conta do país há 16 anos e estão acostumados a nadar na lama e se perfumar com o fácil  dinheiro público jogado em suas mão por conta da publicidade oficial superfaturada. A sociedade brasileira já tem presidente eleito pela livre vontade de 58 milhões de brasileiros conscientes e não comprometidos com a corrupção e a imoralidade dominantes, e deveriam ser respeitados. Não é verdade?

Mas, vamos ao que interessa, vamos mostrar a pouca vergonha e falta de moral de um jornal que se diz imparcial. O editorialista escolheu algumas frases ditas pelo presidente Jair Messias Bolsonaro (alô Estadão, ele existe, tem até nome) em suas visitas ao exterior, como uma tentativa de jogar a sociedade brasileira e de países vizinhos contra um governo que está apenas começando. O editorial dá enfase a uma frase dita pelo presidente em recente visita ao Paraguai ” Stroessner foi um homem de visão, um estadista”. Para a visita ao Chile o jornal resolveu condenar o fato de o presidente minimizar a ditadura de Augusto Pinochet.

O texto ainda diz que – ” Assim sem entender  qual a natureza da função para a qual foi escolhido pela maioria dos eleitores no ano passado, o sr. Bolsonaro drena as energias do País ao concentrar-se em temas de pouca relevância mas com potencial de causar tumulto” inclusive estimulando comemorações para o golpe militar de 31 de março de 1964. Eu também iria comemorar.  Ora, Bolsonaro  foi eleito como acabou de ser dito pela maioria dos cidadãos, portanto deverá  governar para a maioria e não para uma minoria, ou não? Deve governar para políticos e empresários corruptos e ladrões? Onde se inclui essa  imprensa podre? Após o exposto acima quero fazer uma afirmação e gostaria de ter a resposta dessa mesma imprensa.

Senhores jornalistas do Estadão e dos demais veículos de comunicação, o salafrário e hoje presidiário,  Luiz Inácio Lula da Silva, tem frases célebres registradas em seus arquivos e nunca foram contestadas, ou pelo menos comentadas. Vou lembrai-vos algumas delas – ” Sobra democracia na Venezuela” – A Nicarágua é um exemplo para a América Central” . As ditaduras de Cuba, Moçambique, Angola, Guiné Bissau, recebiam elogios da quadrilha esquerdopata  diariamente, e pior, de presente o dinheiro de nossos suados impostos para que se mantivessem ativas. Mas entendo a chiadeira da mídia. Não vai mais nadar nos 1,5 bilhão de reais anuais em publicidade. A corda está no pescoço e  cabe à sociedade através das redes sociais apertar o laço.

Humberto de Luna Freire Filho, médico – Cidadão brasileiro sem mede dessa mídia podre

Facebookmail

QUEM É VOCÊ, RODRIGO MAIA?

Por Humberto de Luna Freire Filho

RECOLHA-SE À SUA INSIGNIFICÂNCIA – VOCÊ NÃO TEM CURRÍCULO  PARA TAL
Resultado de imagem para Imagem para rodrigo maia
IMAGEM: TV Tambaú

Nos últimos dias tive minha curiosidade voltada  para saber o que pensa ser esse picareta que está presidindo a Câmara. Gostaria de saber por que um deputado eleito com votos contados no prato das almas e em um Estado que é  símbolo da corrupção política nacional, tenta tumultuar, com a ajuda dessa imprensa podre, o novo governo eleito com 58 milhões de votos. Esse indivíduo, um medíocre ex corretor de bolsa de valores deveria se recolher à sua insignificância e não ficar tumultuando a politica séria proposta em favor do pais.

Agora ele acaba de trancar o trânsito de um pacote anti crime proposto pelo ministro Sérgio Moro. Pergunto qual é o relacionamento dele com a bandidagem, para defender o crime organizado? Qual as ações dele nos bastidores e nos porões? Quanto lhe rendem? Esse sujeito não passa de um cretino, um sem caráter, que olha a sociedade brasileira de cima para baixo. Foi  eleito presidente da casa da luz vermelha só para manter o toma lá dá cá, uma marca registrada desse puteiro erroneamente chamado de Câmara dos Deputados, mas o Brasil não vai ser paraíso de bandidos.

Humberto de Luna Freire Filho, médico – Cidadão brasileiro sem medo de deputado corrupto.

Facebookmail

COALIZÃO OU CORRUPÇÃO?

Por Humberto de Luna Freire Filho

OLHA SÓ AS ORIGENS!!! – MIRIAM LEITÃO E SÉRGIO ABRANCHES
Resultado de imagem para imagem para sergio abranches
IMAGEM: DoctumTV

Acabei de ler a seguinte frase publicada na revista ISTOÉ online – “Presidente não demonstra capacidade de articulação”,  afirma Sérgio Abranches. Para quem não sabe, o autor da frase foi também o criador do termo “presidencialismo de coalizão” nos anos 1980, e que daí para a frente  passaram a, consciente e sistematicamente,  transformar coalizão em corrupção.

Já que o atual governo tem uma proposta diferente, está desagradando os políticos do toma lá  dá cá  e aos veículos de comunicação que dependem dele. O leilão para cargos públicos acabou, senhor Rodrigo Maia, e a publicidade oficial superfaturada acabou, imprensa podre. Vamos cair na real. Três meses ainda não foram suficientes para sentir que tudo vai ser diferente?

O jornal O Estado de São Paulo em seu editorial de hoje (24/03-página 03) usa o seguinte título – Só ‘vontade de Deus’ não basta – segundo o jornal frase dita por alguns políticos. Que tal no editorial de amanhã o Estadão convocar todos os políticos que acham  que só a vontade de Deus não basta e coordenar a retomada do extinto balcão de negócios da Câmara?

Humberto de Luna Freire Filho, médico – Cidadão brasileiro sem medo de corruptos.

Facebookmail

“FAMÍGLIA” UNIDA PERMANECE UNIDA

Por Humberto de Luna Freire Filho

O PAÍS MUDOU, NÃO FOI TEMER?Resultado de imagem para jornal da cidade - prisão de michel temerIMAGEM: Jornal da Cidade Online

…DE TRISTE MEMÓRIA
Resultado de imagem para imagem para michel temer
IMAGEM: Midiamaxi – Foto: Caroline Andrade/G1.

O ANGORÁ PERDEU OS PELOS
Resultado de imagem para imagem de moreira franco
IMAGEM: DeFato Online

Revendo a história antiga e recordando a contemporânea: O escritor romano Lúcio Aneu Séneca ou Séneca dizia –  “A natureza nos uniu em uma imensa família, e devemos viver nossas vidas unidos, ajudando uns aos outros” – acrescento eu , mesmo na cadeia. Já  o psicólogo brasileiro Luiz Antonio Alencastro Gasparetto diz – “A verdadeira família é aquela unida pelo espírito e não pelo sangue”. Está certo!!! Vejam o exemplo.

Ontem  escrevi no bloguinho que existe uma fila de ex presidentes esperando a vez de ir para a cadeia. Hoje foi a vez de mais um, e para confirmar a veracidade dos pensamentos defendidos  pelo psicólogo Gasparetto e pelo escritor Séneca, a “famíglia” vai permanecer unida na cadeia. Michel Temer, Wellington Moreira Franco, Eliseu Padilha, Gedel Vieira Lima… desculpem, a famíglia é grande e no momento não me recordo do nome de todos.

Humberto de Luna Freire Filho, médico – Cidadão brasileiro se medo de corruptos
Facebookmail

SINTO VERGONHA… E VOCÊ?

Por Humberto de Luna Freire Filho

UM BRASILEIRO DE VISÃO
Resultado de imagem para imagem para ruy Barbosa
IMAGEM: Plenarinho

Sinto vergonha de ver que meu país está tomado por ladrões.
Sinto vergonha de ver uma Suprema Corte  formada na maioria por corruptos, por bandidos da pior espécie.
Sinto vergonha de meu país ter um Congresso onde a metade dos ditos parlamentares são ladrões e ainda ditam as regras para uma sociedade acomodada.
Sinto vergonha de constatar uma tremenda covardia até nos homens de bem, enquanto calam diante da tanta podridão.
Sinto vergonha de termos uma imprensa subserviente e comprometida com o dinheiro público, quando se diz iniciativa privada.
Sinto vergonha de ouvir o mundo comentar que no Brasil existem filas de ex prefeitos, de ex governadores e de ex presidentes presos ou esperando a vez de irem para a cadeia.
Sinto vergonha de ver uma esquerda podre, burra e falida em todo o mundo, mas que no Brasil age a todo vapor, segregando a sociedade, jogando brancos contra pretos, ricos contra pobres, homossexuais contra heterossexuais e homens contra mulheres, além de querer transformar prostituição em “obras de artes” em” “performances”, levando crianças para apalparem homens nus.
Sinto vergonha de uma gentalha que defende direitos humanos quando na verdade estão defendendo direitos de bandidos.
Sinto vergonha de hipócritas que proíbem que nas escolas primárias as crianças cantem o Hino Nacional e em contrapartida liberam hinos do MST.
Sinto vergonha de saber que um canalha que pertence à Suprema Corte do país, proíbe um funcionário público de exercer suas reais funções, fiscalizando seus roubos.
Sinto vergonha de o país ter na presidência do STF um réu que virou juiz indicado por um presidiário
Sinto vergonha de o país ter como ministro da Suprema Corte um indivíduo escolhido em um botequim  de periferia depois de várias rodadas de cachaça, atendendo a pedidos de família.
Sinto vergonha de duas figuras de baixíssimo nível, uma parlamentar (coxa) e a outra (ladra) ex presidente que visitam ditadores e viajam pelo mundo com o nosso dinheiro denegrindo a imagem do país.
Sinto vergonha de uma CNBB que mantém em seus quadros pedófilos, homossexuais e ladrões, e abusa da boa fé dos cristãos para fazer proselitismo político.
Sinto vergonha de não termos partidos políticos e sim quadrilhas.
Sinto vergonha de  uma certa Lei (Rouanet) que  distribui dinheiro público para pseudos “artistas” subirem  em um palanque e mostrarem a bunda.
Sinto vergonha de um certo elemento que se diz compositor, porém sabe-se que não passa de um comprador de letras e músicas, que se diz comunista, mas vive em Paris às custas do dinheiro público.

Hoje entendo perfeitamente o que há muito queria dizer Ruy Brabosa em suas célebres frases – “De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto.

Humberto de Luna Freire Filho, médico – Cidadão brasileiro sem medo de corruptos.

Facebookmail