SUGIRO UMA ESTATÍSTICA PARA A ESCÓRIA DOS DIREITOS HUMANOS

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para imagens para policiais militares mortos
IMAGEM: UOL Notícias

Resultado de imagem para imagens para policiais militares mortos
IMAGEM: Folha de São Paulo – Uol

Resultado de imagem para imagens para policiais militares mortos
IMAGEM: Revoltados ON LINE – blogger

Nos últimos anos tenho lido muitas críticas e até ataques às Policias Militares, não só a de São Paulo. É bem verdade que existem bandidos em todos os setores da sociedade, mas a grande maioria dos militares são honestos e cumpridores da lei. Conheço bandido em minha profissão, conheço bandido até no clero.

Hoje parece que o Estadão tentou se redimir e publicou uma longa matéria, inclusive com foto gigante em primeira página sobre mortes de policiais provocadas por bandidos. São 1.147 mortos em 16 anos, 43 só esse ano, 1 a cada 5 dias  e 3.000 feridos em 30 meses. Inclusive muitos com sequelas irreversíveis.

Esse dados seriam considerados guerra civil em qualquer país civilizado, mas no Brasil é coisa natural. A bandidagem é defendida por uma escória chamada de Direitos Humanos, um dos lixos da esquerda dominante. Espero logo ver uma estatística diferente, por exemplo: hoje temos em São Paulo 10 bandidos mortos por dia. Que tal  dona Luislinda Valois?

Humberto de Luna Freire Filho, médico.

Facebookmail

6 ideias sobre “SUGIRO UMA ESTATÍSTICA PARA A ESCÓRIA DOS DIREITOS HUMANOS

  1. Fui surpreendido com essa matéria do Estadão. Pois em matéria de segurança pública, os editorialistas desse jornal não entendem nada. Pudera, eles adoram consultar sociólogos, quando querem fazer reportagem sobre a questão. O Estadão nunca pensa em consultar delegados da Federal ou da Civil, ou mesmo oficiais da PM, que são os profissionais que realmente entendem da matéria. Assim, quando escrevem sobre o assunto, os editorialistas desse jornal nunca tocam o essencial nesse assunto, que é “ferrar o bandido”. Eles nunca escrevem que é preciso modificar as leis, torná-las duras, temidas, com penas longas, sem possibilidade de progressão de pena para o regime semi-aberto ou aberto. E parabéns ao Bolsonaro que parece ser o único dos candidatos a presidente que quer enfrentar realmente a bandidagem. Para ele, e para mim também, a vida no Brasil tem que valer a pena para o cidadão honesto, e o bandido que se f…

  2. Lastimável esses acontecimentos, em que perdem a vida tantos policiais em serviço eliminando bandidos nefastos a sociedade e sem chance de recuperação, na sua maioria. Mas sempre tem essa gentinha chorona que tem dó dos pobrezinhos, abandonados segundo eles pela sociedade que vive numa boa, em ricos e luxuosos palácios comprados e sustentados pelo fruto do seu trabalho, enquanto eles, disso na quiseram saber, pois o crime no Brasil compensa…..pra que trabalhar??? Ser um cidadão de bem, muito menos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *