NÃO QUERO SER GOVERNADO POR PRESIDIÁRIO…E VOCÊ?

Por Humberto de Luna Freire Filho   *1/3 dos senadores se não reeleitos irão para a cadeia*

PROVÁVEL NOVA SEDE DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA A PARTIR DE 2019
Resultado de imagem para iMAGEM PARA PRESÍDIO DA POLICIA FEDERAL EM CURITIBA
IMAGEM: Revista Veja

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal ( STF), autorizou na manhã de ontem, sexta-feira, o crápula chefe de quadrilha, Luiz Inácio da Silva, vulgo Lula, a conceder uma entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, mais especificamente à jornalista Mônica Bergamo, conhecida há muito por suas afinidades com  essa  quadrilha suja que domina o país há 14 anos e presta serviços para o jornaleco Folha de São Paulo.

Por outro lado, talvez em resposta ao sabujo do STF, o chefe  da promotoria na operação Lava Jato, promotor Deltan Dallangnol,  enviou ofício à 13ª Vara Federal de Curitiba   que pede para Lula conceder entrevista a toda imprensa e não apenas à Folha de São Paulo. A essa altura eu acho que todos os presos do Brasil tem direito a dar entrevistas. Acorda Marcola, acorda Fernandinho Beira Mar. Ainda bem que o ministro Luiz Fux, vice-presidente da corte, restabeleceu a decência, derrubando a autorização para o presidiário fazer campanha  em nome do seu “poste II”.

Esse país que já é uma  zona, comandada por corruptos e ladrões, poderá ser uma nova Venezuela. Começa com um candidato a presidência da República com chances de ser eleito, ter sido  escolhido dentro de uma presídio. Se esse marionete for eleito, o Brasil terá um presidente de direito e um presidente de fato. O presidente de direito ficará em Brasília de segunda a quinta-feira, na sexta estará na porta da cadeia em Curitiba para receber as instruções do presidente de fato a serem seguidas na semana próxima.

Diante de tanta podridão lembrei de uma  frase do grande escritor George Orwell – “Um povo que elege corruptos, ladrões e traidores, não é vítima é cúmplice” – então meus patrícios… não sejamos cúmplices. Já chaga de desmoralização, o Brasil é motivo de chacota no exterior, tive o despraze e a vergonha de comprovar isso em junho próximo passado em pelo menos dois países da Europa.  Eu não quero ser governado por um presidiário.

Humberto de Luna Freire Filho, médico – Cidadão brasileiro sem medo de corruptos

Facebookmail

8 ideias sobre “NÃO QUERO SER GOVERNADO POR PRESIDIÁRIO…E VOCÊ?

  1. Qualquer cidadao (a) que tenha dignidade tambem nao quer um ladrao comandando o pais.Apesar das manobras e desrespeito a democracia impondo a foto a fala desse jumento no horario politico e um juiz corrupto facilitar abrindo a jaula a jornalista pra incitar os alienados a baderna.Eu acredito no Grande Arquiteto do Universo sempre alerta a iluminar um Luiz Fux e mostrar que a Lei e igual a Todos.Vamos confiantes em frente pelo Brasil

  2. Confio.na Maconaria, convivi por mais de 50 anos com pessoas da Grande Oriente do Brasil e sei da seriedade uniao de um por todos e todos por um., e das grandes decisoes a servico do Brasil.

  3. Infelizmente vivemos dias de muita angustia e apreensão. Não faz muito e o PT saiu do poder e havia quem considerasse que seria um partido desmoralizado e desprezado por seus apoiadores, mas ao contrário como todo câncer tem seus tentáculos em vários segmentos da sociedade e conseguiu se transformar numa verdadeira metástase onde tudo parece definitivamente dominado. Dizer que o crime não compensa é piada; dizer que todos são iguais perante a lei é um deboche para com o cidadão de bem. Ficou muito claro a todos que prisão neste nosso País é para os menos afortunados e que Justiça cega é esta que consegue distinguir entre pobres e ricos, criando verdadeiras castas, quando o tratamento deveria ser isonômico? É duro dizer mas chega uma hora e a gente já não consegue acreditar na Justiça dos homens e resta-nos apelar para a divina. É assim que funciona em meio a tudo que temos visto e ouvido.

    • Não é sem motivo que essa quadrilha chamada “partido” do trabalhadores (que não trabalham) tem com slogan; os fins justificam os meios. Ah! Sandra, o PT ainda não saiu do governo tem o mordomo da Transilvânia, farinha do mesmo saco, que até dezembro ainda estará no Palácio do Planalto.

  4. Se eu tivesse podido perguntar ontem no debate da Record, minha pergunta iria para o candidato Haddad, nos termos seguintes: Se o seu lema é o combate à corrupção porque vive tão próximo ao ex-presidente Lula preso e condenado por esta tão combatida e indesejada corrupção?.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *