FENÔMENO RARÍSSIMO MAS… ACONTECE!

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para IMAGEM PARA INVAGINAÇÃO CEREBRAL
IMAGEM: SciELO

Levando  em conta as últimas declarações do ministro Gilmar Mendes do Supremo Tribunal Federal (STF) e na condição de médico, cheguei à seguinte conclusão: após o jantar que teve com o presidente Michel Temer no Palácio do Jaburu, é possível que tenha ocorrido um raríssimo fenômeno – a Invaginação, que é o desdobramento de parte de um tecido dentro de outra estrutura. Pois é, sem dúvidas, uma alça intestinal pode ter invadido a caixa craniana do ministro.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

CARNE PODRE? O BRASILEIRO PODE CONSUMIR!

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para imagem para carne podre
IMAGEM: Portal B1

Resultado de imagem para imagem para carne podre
IMAGEM: IG Economia

Hoje depois de analisar todas as declarações do senhor Blairo Maggi, uma  muito me chamou a atenção – foi a proibição da exportação  de carnes pelas 21 empresas envolvidas na fraude denunciada pela Polícia Federal (PF). Na condição de profissional da área da saúde, sou médico (neurologista/neurocirurgião), gostaria de saber do ministro se a preocupação dele é somente com o consumidor internacional. E nós,  ministro? Podemos comer carne podre? Alô, ministro da saúde, Alô, secretários estaduais de saúde, Alô, secretários municipais da saúde, todos vocês vão por o rabo entre as pernas? Não têm coragem de se pronunciar? Entreguem os seus cargos em benefício da população. Agradecemos!

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

O BLÁ BLÁ BLÁ DO GOVERNO E SEUS ASSECLAS

Por Humberto de Luna Freire Filho

DOIS “GRANDES” PECUARISTAS DO NORDESTE
Imagem relacionada
IMAGEM: blogahoradobode.blogspot.com

Quando você é chamado de burro ou de imbecil uma vez, você faz de conta que não ouviu. Mas quando você é chamado várias vezes por muitos setores do governo e por certos jornalistas “chapa branca”, da maneira como vem acontecendo, aí não dá para calar. Senão vejamos: o blá blá blá do governo é que existe na Operação Carne Fraca  um verdadeiro exagero, e estão fazendo tempestade em copo d’água. As “autoridades” alegam que o Brasil tem mais de 4.000 mil fornecedores de produtos pecuários e apenas 21 estão envolvidos na fraude.

Tem jornalistas fazendo  cálculos estatísticos, alegando que se apenas 1% dos 4.000 estivessem envolvidos teríamos 40 empresas cometendo o delito, mas são apenas 21, ou seja 0,5% do total. Ora, tanto o governo quantos os paus-mandados esqueceram de explicar que as 21 empresas envolvidas representam 95% do mercado interno e 99.9% do mercado externo. Até acredito que haja mais de 4.000 mil produtores no Brasil, isso contando com os “grandes pecuaristas” do Nordeste, aqueles que abatem 1 cabrito por semana.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

“NEVERLAND”

Por Humberto de Luna Freire Filho
Resultado de imagem para imagens para a terra do nunca
IMAGEM: WordPress.com

O presidente Michel Temer jantou ontem em uma churrascaria de Brasília acompanhado de embaixadores dos países importadores dos produtos nacionais deteriorados. Resolvendo assim, só para consumo interno, em menos de 72 horas e de uma vez por todas, o problema da carne podre na nossa principal pauta de exportação. Porém a União Europeia, a China, a Rússia e mais outros países acabam de decretar o embargo da carne podre. Minha grande curiosidade era saber se ele Michel Temer e os embaixadores foram trabalhar hoje, ou se estão em casa fazendo uma dieta e uma boa hidratação.

Mas, está satisfeita a minha curiosidade; acabei de receber uma notícia de fonte bem informada, lá na terra do nunca, que  a churrascaria onde Temer e a trupe jantaram só oferece carne bovina  importada, provavelmente a mesma que fornece para o Palácio do Planalto e para o Palácio do Jaburu. Está portanto justificada a possível presença de todos ao trabalho no dia seguinte, portanto, hoje. O próximo passo a ser dado pela “Nomenklatura” de Brasília provavelmente ocorrerá hoje – a soltura de todos os presos na Operação Carne Fraca e a reintegração dos funcionários do ministério da Agricultura às suas “nobres” funções, com direito a diárias dobradas e futuras indenizações por danos morais. Alguém duvida? Esperem a conta chegar via aumento dos impostos, tática há muito empregada pela quadrilha para manter essa podridão que há 13 anos tomou conta do país, ou que pelo menos, atingiu um grau “nunca visto nesse país”. Não é verdade Luiz Inácio da Silva, “vulgo” LULA?

Ainda na sequência das providências que estão sendo tomadas, serão  demitidos todos os “irresponsáveis” funcionários da Polícia Federal (PF), segundo classificou Pedro de Camargo Neto, vice-presidente da Sociedade Rural Brasileira. É sabido que a PF, por conta da Operação Lava Jato, vem sofrendo muita pressão por parte de todos os corruptos que infestam os Três Poderes da República. Nós, cidadãos que não temos o que temer, esperamos que essa polícia continue prestando seus valiosos serviços à nação, continue denunciando os podres desse poder corrupto, que continue independente, que seja uma polícia de Estado e não de partidos, e que nunca se transforme em um chiqueiro do Palácio do Planalto, a exemplo de uma NKVD Soviética, recebendo ordens de um presidente de plantão.

Então? Está tudo sendo resolvido, não é verdade? Agora vai reinar o silêncio no país de faz de conta. Ninguém mais voltará a citar o nome do “nobre” ministro Osmar Serraglio, o sétimo ministro na ativa envolvido em, digamos,”mal feitos”. Aderi à “novilíngua”. Sempre quis prestar uma homenagem a George Orwell. Hoje no Planalto, será anunciado que as gravações telefônicas que, até certo ponto comprometem o excelentíssimo, não são reais, são conversas alienígenas facilmente detectáveis, porque após um simples estudo de acústica, constatou-se que as ondas sonoras foram produzidas em uma frequência altíssima, impossível de ser produzida em nosso planeta. Resta uma análise mais rigorosa a ser feita pela NASA (agência espacial dos EUA) apenas para saber a verdadeira origem, se é originária da Via Láctea ou de outra Galáxia.

Toda essa técnica adotada acima poderia ser usada a partir de agora para resolver  alguns dos mais sérios problemas de infraestrutura do país, que aliás foi classificada em 118º lugar pelo Fórum Econômico Mundial, como por exemplo, o escoamento da produção agrícola. Que tal reduzirmos a nossa excessiva produção agrícola pela metade? para que tanta produção? 221 milhões de toneladas? Pra que tanto? Com a redução poderíamos até fechar a BR 163, assim não teremos mais nenhum caminhão atolado na lama e os portos brasileiros de Santos e Paranaguá não sofreriam mais congestionamentos com filas quilométricas de caminhões aguardando a hora para o embarque da carga. Porto bom  que suportaria tal demanda  é o de Mariel, mas fica um pouco distante, não é?

As ferrovias brasileiras principalmente a Transnordestina com 1.728 Km de extensão , apesar de pertencer a uma empresa privada, pertencente  a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), recebeu 90% dos investimentos provenientes dos cofres publico. Assim até eu que sou mais “bobo” também queria. Hoje a ferrovia está abandonada. Sugiro que entre nesse processo rápido de solução. Que sejam entregues os dormentes para uso na construção de “minha casa minha vida”, o que vai render bastante voto, e os trilhos fundidos para a confecção de ferraduras a serem distribuídas nas duas casas do Congresso Nacional.

Na área da saúde pública, já se falou que faltam medicamentos porque os médicos estão prescrevendo medicamentos a mais, e sem a devida necessidade, apenas para se beneficiar com jantares e com viagens de lazer oferecidos pelos laboratórios farmacêuticos. Não sou advogado de colegas, e acho que os Conselhos Regionais e também o Conselho Federal teriam que se pronunciar a respeito. Afinal bandido tem em todo lugar e em todas as profissões. Já existiu até papa bandido.

Alguns  laboratórios deveriam ser liberados para continuar usando placebos em medicamentos no tratamento do câncer da próstata e farinha de trigo em anticoncepcionais, afinal “só” temos 205 milhões de bocas para alimentar, isso o bolsa família dá conta e no final, segundo o grande José Dirceu, hoje na cadeia, renderá a qualquer governo que mantiver o programa 40 milhões de voto. Que tal também reduzir o número de médicos pela metade e contratar “médicos” cubanos? Depois o governo da ilha retorna 20% de propina para os partidos que aderirem. O PT, hoje fora praticamente da cena politica, não se negará a dar maiores informações sobre o velho esquema por ele implantado.

No setor jurídico, temos o problema da superpopulação carcerária. Então, que não se prenda mais ninguém, que  liberem todos os que ainda não foram julgados e a metade dos já apenados através de sorteio com uma condição: os sortudos abrirão mão do presente dado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), indenização pelo desconforto durante a hospedagem, e o “auxilio-reclusão”. Que libertem todas as mães para cuidar dos filhos, a exemplo da mamãe dos filhos de Sérgio Cabral, que libertem todo cidadão acusado de assassinato se não encontrarem o corpo da possível vitima, a exemplo do hoje atleta de Varginha. Por último, retirem também a venda do outro olho da estereotipada imagem da atual Justiça brasileira, para que ele possa ter uma visão tridimensional ou seja uma visão de profundidade.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

DNA DE URUBU?

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para Imagens para URUBUS
IMAGEM: Blog do Adonias Soares

Resultado de imagem para imagens para a propaganda da FRIBOI
IMAGEM: Propagandas Históricas

Resultado de imagem para Imagem de Fatima Bernardes - friboi
IMAGEM: Extra Online – Globo

Resultado de imagem para imagens para a propaganda da FRIBOI
IMAGEM: YouTube

Resultado de imagem para Imagem para pergunta novamente se é friboi
IMAGEM: Blog de Simão – Uol

Alô! Toni Ramos, Roberto Carlos e Fátima Bernardes, sinceramente eu não sabia nem pelo menos desconfiava que vocês tinham o DNA do Coragyps atratus brasiliensis, o nosso velho conhecido e popular… URUBU.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

A ALQUIMIA NO PAÍS MILAGREIRO

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para imagem para alquimia
IMAGEM: Fonts2u.com

Menos de 24 horas após a Polícia Federal (PF) alertar a população do Brasil e do mundo, que estão consumindo carne podre,  o nosso presidente e alquimista,  Michel Temer, convocou uma reunião governamental de emergência, no final da qual, a imprensa chapa branca anunciou que já estava restaurada a segurança do consumidor e o amplo poder nutricional do produto em questão.

O ministro da Agricultura que ontem havia afirmado que “a reputação do país como fornecedor estava em jogo”, hoje voltou à TV para afirmar que não é nada disso, apenas 21 empresas entre mais de 5.000 pertencentes ao ramo estavam envolvidas na fraude, porém “esqueceu” de dizer que as 21 empresas envolvidas respondem por 95.% da produção e distribuição do produto a nível nacional, e de 100% do mercado internacional. Me engana que eu gosto.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

EXECUTIVO, LEGISALATIVO, JUDICIÁRIO E CARNES… PODRES!

Por Humberto de Luna Freire Filho

Foto: PFFoto: Polícia Federal

A Operação Carne Fraca, deflagrada pela Polícia Federal nesta sexta-feira, 17

A Polícia Federal deflagrou, nesta sexta-feira 17,  a Operação Carne Fraca que revelou uma série de artimanhas de frigoríficos para ‘encorpar’ os produtos apodrecidos que levavam ao mercado para consumo público. São usados ingredientes como cabeça de porco, além de substâncias químicas cancerígenas. O termo “carne fraca” no meu tempo de adolescente representava algo diferente e até, digamos, menos prejudicial à saúde do homem e da mulher.

Mas hoje o mesmo termo pode ser usado pela PF para, depois de uma séria fiscalização, mostrar o tipo de alimento que consumimos, tudo com o aval e conivência dos corruptos que ocupam cargos de decisão no governo. Agora vou citar nomes: primeiro na área governamental, começando com Tarcísio Almeida de Freitas, fiscal do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento, era o responsável por receber e fiscalizar os insumos comprados pelas empresas, sendo que sempre constava em seus relatórios que o procedimento estava dentro da legalidade, quando na verdade não estavam, e se tratava de carnes podres, mas a sua propina sem dúvida viria.

Tem mais, em uma interceptação telefônica da PF o agente de inspeção federal Carlos César, presidente da Associação dos Técnicos de Fiscalização Federal Agropecuária, e o auxiliar operacional em agropecuária Carlos Augusto Goetzke, conversam sobre a contaminação de uma carga de carne de perus por salmonela (dezoito toneladas), que teria retornado da Europa. No final, Carlos César ainda sugere que a carne podre serve para fazer mortadela.

Vamos para as empresas? Primeiro o frigorifico Peccin, esse comprava notas fiscais falsas de produtos com SIF (Serviço de Inspeção Federal), com a finalidade de justificar a compra de carnes podres.  A BRF S.A é outra restauradora de carne podre. Só mais uma empresa, tem outras, mas meu tempo está acabando

Grampo da Polícia Federal flagrou Paulo Rogério Sposito, controlador do Frigorífico Larissa, conversando com um funcionário. Segundo a investigação, o dono do Larissa não demonstra qualquer surpresa com a substituição de etiquetas de validade em uma carga inteira de carnes vencidas há 3 meses para a produção de outros alimentos. Aliás, alimento que ele deveria oferecer à senhora sua mãe.

Agora uma perguntinha inocente: o que Osmar Serraglio, nosso ilustríssimo ministro da JUSTIÇA, flagrado em grampo da Polícia Federal (PF),  tanto conversava com o fiscal agro-pecuário Daniel Gonçalves Filho (Filho…DP) entre 2007 e 2016? Esse desqualificado “fiscal” é superintendente do Ministério da Agricultura no Paraná e chefe desse esquema criminoso. Será que estudavam a futura fusão das duas pocilgas?

O governo Temer agora tem sete “ministros auxiliares” envolvidos em podridão . O governo Temer já treme, está desmoralizado. O Brasil está desmoralizado e descreditado no exterior. Isso sem contar o prejuízo econômico, uma vez que as nossas exportações do setor pecuário (exportação de carnes) atingiu no ano passado a cifra de 16 bilhões de Dólares, o equivalente em Reais a 50 bilhões.

Dito isso, comunico a todos os picaretas que  no texto citei seus nomes, que estou à disposição de qualquer um deles  para qualquer coisa, a nível de justiça ou algo mais primitivo. Meu email é: lunafreire@falandodebrasil.com.br – ANOTEM. Vocês não passam de bandidos. Eu quero, mas não consigo ter a esperança de ter um de vocês em minha frente, porque vocês são todos COVARDES. Tudo isso é revoltante. Teriam vocês coragem suficiente para enfrentar um homem? NUNCA!!!

Humberto de Luna Freire Filho, médico

 

Facebookmail

NA FOGUEIRA DE SÃO JOÃO OU NA DA INQUISIÇÃO?

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para imagens de fogueira de são jõaoIMAGEM: PBHoje

Resultado de imagem para imagem para fogueira da inquisição
IMAGEM: YouTube

Depoimentos da Operação Lava Jato e a divulgação de pedidos de abertura de inquérito para investigar parlamentares fizeram ressurgir a discussão sobre financiamento de campanhas, e os “nobres corruptos” estão se reunindo nos porões do Congresso para tentar uma saída. A bandidagem quer anistia para as suas roubalheiras, ocorridas no famigerado caixa doi$. Existe até ministro no STF torcendo por isso. A essa altura podemos pensar duas coisas. Se houver anistia, as  toneladas de processos nas mão do Juiz Sérgio Moro serão usados na fogueira de São João. Se não houver anistia, serão usados na fogueira da Inquisição. É o que o Brasil espera.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

CAIXA DOI$ NÃO É CRIME?

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para imagem para caixa 2
IMAGEM: Luiz Flávio Gomes

Resultado de imagem para imagem para caixa 2
IMAGEM: BBC Brasil

Resultado de imagem para imagem para caixa 2
IMAGEM: Voltemos à Direita – política, economia e cultura

Senhores nobres deputados (corruptos), senhores nobres senadores (corruptos) senhores pseudos empresários (corruptos) excelentíssimos governantes (corruptos) meretíssimos juízes (corruptos), a sociedade brasileira não tem o baixíssimo  nível cultural imaginado por “vós” e pede respeito. Caixa 2 é crime SIM!!! A reiteração da prática não descriminaliza o crime. A pensar assim, homicídios e latrocínios, em muito breve, deixarão de ser crimes, afinal o país já conta com 60.000 por ano.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

CARDOSO E A CARTA DE PERO VAZ DE CAMINHA

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para Imagem daCarta de Pero Vaz De Caminha
IMAGEM: SlideShare

O Patriarca do grupo Odebrecht, Emílio Odebrecht, declarou ao juiz Sérgio Moro que o caixa 2 sempre foi o  “modelo reinante no País”. Afirmou que o pai, ele, e o filho, fizeram repasses ilegais a políticos. Penso eu que, daí para a frente, eles iriam esperar as “obras” e as graças do Espirito Santo. Partindo dessa declaração, o ex-ministro da Justiça, José Eduardo Cardoso, por sua vez, em audiência por vídeo conferência com o mesmo Juiz Sérgio Moro, e na qualidade de testemunha de defesa de Palocci (o “italianinho” corrupto), pegou carona na declaração do empresário e para explicar que a corrupção existe no Brasil  há 500 anos, fez referência a carta de Pero Vaz de Caminha ao El-Rei D.Manuel e cometeu um “estelionato” histórico. Ele nunca leu a carta de Caminha. E se leu não entendeu absolutamente NADA!!!

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail