SEREMOS, ALGUM DIA, UM PAÍS SÉRIO?

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para imagem para um homem de visãoIMAGEM: Dreamstime

É desanimador ver as figuras que hoje comandam os três poderes da República, e sem uma perspectiva de mudanças a curto e a  médio prazo. Na década de 60, o general, político e  estadista francês, Charles André Joseph Marie de Gaulle, disse: ” O Brasil não é um país sério”,  e  olha que ele não conhecia Euníco de Oliveira, Rodrigo Maia, Fernando Collor de Mello, Renan Calheiros, o jerico de Garanhuns, a anta mineira, Sérgio Cabral, Romero Jucá, Elizeu Padilha, Gilmar Mendes, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski. Naquela época, só haviam “assentado praça” no crime organizado apenas ACM, pai de santo da Bahia e as duas múmias do Maranhão, José Ribamar, vulgo José Sarney, e Edison Lobão,  Temos que tirar o chapéu para o francês, um verdadeiro homem de visão.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

POR QUE TENHO QUE FINANCIAR PROFISSÃO DE CORRUPTOS?

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para IMAGEM PARA FINANCIAMENTO DE CAMPANHA ELEITORAL
IMAGEM: GGN

Resultado de imagem para IMAGEM PARA FINANCIAMENTO DE CAMPANHA ELEITORAL
IMAGEM: Diário do Centro do Mundo

  …constituído por dotações orçamentárias da União, multas, penalidades, doações e outros recursos financeiros que lhes forem atribuídos por lei. Sabe o que é isso? É a descrição de uma exrescência chamada de Fundo Especial de Assistência Financeira aos Partidos Políticos, denominado Fundo Partidário, ao qual hoje se soma outra excrescência  – o  Fundo Financeiro de Campanha, que mete a mão em R$ 3,6 bilhões dos cofres públicos para eleger os futuros  ladrões, ou reeleger os atuais ladrões do nosso bolso.

 Alô, picaretas! se vocês querem ser políticos ou se já são, acreditem em suas propostas junto ao eleitorado, se é que elas existem, assumam os seus custos, ponham a mão nos seus bolsos, vendam suas casas, vendam seus carros, peçam dinheiro aos parentes. Quando decidi ser médico corri atrás e venci, não precisei do dinheiro público, precisei de muita força de vontade, de muita coragem, de muitos livros e de queimar muitas noites de sono.  Nobres canalhas, escolham seu projeto de vida e cumpram sem por suas mãos sujas no bolso do contribuinte.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

UM PAÍS EM FRANCA DECOMPOSIÇÃO

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para imagem país em decomposição
IMAGEM: Resilinc BlogResultado de imagem para Brasil em decomposição
IMAGEM: O Mafarrico Vermelho – blogger

Governo baixou em R$ 10, de R$ 979 para R$ 969, a previsão para o salário mínimo em 2018. A redução, se confirmada, deve gerar uma economia de R$ 3 bilhões ao governo no ano que vem. Alô,  sr. mordomo e digníssima equipe econômica, na condição de cidadão brasileiro vou dar uma dica mais patriótica: lembram vocês do juiz de Sinop e seu Holerite de R$ 503.000,00? Então?

Que tal deixá-lo sem receber por seis meses? Isso iria gerar uma economia equivalente, e mais, ele não teria a menor dificuldade para “sobreviver”, porque mesmo tentando, não conseguiria gastar nesse seu período de “vacas magras” o total recebido referente ao salário de julho.

Não é sem motivo que Cármen Lúcia, presidente do Conselho Nacional de Justiça,  determinou que os tribunais dos Estados enviem ao CNJ , em até dez dias, dados sobre os pagamentos feitos aos magistrados de janeiro a agosto de 2017, especificando os valores referentes a salários  e às safadezas incorporadas. Esse país está em franca decomposição.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

LULA, DR. “SOLARIS” CAUSA, NA BAHIA

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para imagem para o solaris do guarujá
IMAGEM: Estadão

Quero começar esse texto, que deverá ser longo, infelizmente, dando uma mexida no seu estomago, tome um Engove e vamos em frente. O juiz Mirko Vincenzo Giannotte, da 6ª Vara da Comarca de Sinop, a 503 km de Cuiabá, recebeu R$ 503,9 mil em vencimentos no início deste mês, como consta no Portal da Transparência  (TRANSPARÊNCIA MUITO TRANSPARENTE) do Poder Judiciário de Mato Grosso.

O valor corresponde a 536 salários mínimos. Eu apenas gostaria da saber o que esse porra fez para sacar esse valor dos cofres público, do meu dinheiro, do seu dinheiro. Esse 536 salários mínimos, só para refrescar a memória  de todos, equivalem a  nada mais, nada menos de que 44 anos de trabalho de uma empregado que recebe salário mínimo

Deixando de lado essas excrescências temos que valorizar a atitude patriota e honesta de juízes que exercem sua profissão com dignidade e cidadania, pensando no bem estar da coletividade e sendo um defensor das leis vigentes. Dentro desse contexto quero citar o nome e obra de três juízes que merecem nosso respeito.

O primeiro deles, que merece nosso apoio e admiração, seguindo a cronologia dos fatos temos:  O juiz Marcelo Bretas que manteve a prisão dos bandidos ligados  à  máfia dos transportes do Rio de Janeiro minutos após o beiçola Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF) determinar sua libertação. Vale salientar que a vaca togada foi padrinho de casamento da filha de um dois bandidos encarcerados.

Vamos para os devidos créditos ao segundo: esse é o Juiz  Felipe Albertini Nani Viaro, da 26º Vara Cível, que deferiu o pedido de uma loja de decoração para a execução imediata de uma dívida. O estabelecimento comercial cobra R$ 62 mil da socialite, Roberta Luchsinger, herdeira de um ex-acionista do banco Credit Suisse, que teriam ficado pendentes após a venda de móveis. O magistrado diz que considerou as “declarações públicas” de Luchsinger  e o plano dela de ajudar financeiramente Lula para chegar à decisão de exigir a quitação do débito.

Finalmente vamos ao  terceiro juiz da semana que merece o nosso respeito.Ele deferiu a liminar para cancelar a entrega do título de Doutor Honoris Causa ao ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva (PT) na Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB). O recurso foi apresentado pelo vereador soteropolitano Alexandre Aleluia (DEM) e a decisão foi do juiz Evandro Reimão dos Reis, da 10ª  Vara Federal Cível de Salvador.

Tenho  ouvido alguns comentários maldosos sugerindo que seja criado  um novo titulo honorífico ( O SOLARIS CAUSAS) para ser concedido a pessoas eminentes, a exemplo de Luiz Inácio Lula da Silva, que não necessariamente sejam portadoras de um diploma universitário mas que tenham se destacado em determinadas áreas, principalmente no roubo do erário público.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

SÓ FALTA PRENDER A VACA

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para imagem para pureiro de 5ª categoria
IMAGEM: YouTube

Vaccari já estava preso, Vacarezza foi preso hoje, só falta prender a vaca. Hoje ainda é um sonho, mas amanhã poderá não ser. A verdade é que a operação Lava Jato está funcionando, está cumprindo o seu papel e não pode parar, apesar de ter em contrário um Congresso pode, um não menos podre Supremo Tribunal Federal, ambos regidos por um corrupto poder Executivo que, sentindo a proximidade da Lava Jato e sendo dono da chave do cofre, a essa altura está disposto a usar o dinheiro  público para comprar toda essa gente sem ética, sem moral e sem caráter, que há 14 anos transformou o Brasil em um puteiro de 5ª categoria.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

UM PROFISSIONAL DE VISÃO

Por Humberto de Luna Freire Filho


FOTO DE RICARDO STUCKERT

Eu não conhecia essa fotografia, uma verdadeira obra de arte, que retrata de maneira clara, direta e inconfundível a podridão que reina no Brasil nos últimos trinta e dois anos. Parabéns  Stuckert, continue mostrando sua excelente visão profissional. Sugiro que instale seus equipamentos na praça dos Três Poderes;  lá encontrará cenários dignos  para mais uma obra prima dando sequência e valorizando o talento herdado de seu avô. Em tempo, fui fotografado por ele lá na pequena João Pessoa ( Foto Stuckert, na rua Duque de Caxias), minha terra natal, não como político, mas para a foto 3X4 da carteirinha de estudante.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

 

Facebookmail

LAVA JATO E DELAÇÃO PREMIADA, NÃO! CORRUPÇÃO, SIM!

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para IMAGEM PARA O CORRUPTO gILMAR MENDES
IMAGEM: Diário do Centro de Mundo

VACA TOGADA
Resultado de imagem para IMAGEM PARA O CORRUPTO gILMAR MENDES
IMAGEM: GGN

Resultado de imagem para IMAGEM PARA O CORRUPTO gILMAR MENDES
IMAGEM: Esquerda Caviar – blogger

Não tem muito tempo que o Supremo Tribunal Federal (STF) aprovou em  plenário a prisão da bandidagem após condenação em segunda instância. Essa aprovação aconteceu com  6 votos a favor e 5 contra. Inclua-se entre os seis  voto o do ministro Gilmar Mendes. Acontece que esse ministro, como é de conhecimento dos minimamente esclarecidos, debandou para a política e está em conluio com o atual presidente da república, o mordomo Michel Temer.

Em consequência disso e com a entrada de um novo ministro na Corte, que é contrário a decisão anterior, provavelmente  haverá  um novo debate e uma nova votação em plenário o que transformaria os 6 a 5 em 5 a 6, tornando impossível a prisão da bandidagem após o julgamento desfavorável em uma segunda instância.  Dá para imaginar qual será o resultado dessa inversão?

Em primeiro lugar, o fim da Lava Jato o que livraria toda a  bandidagem da cadeia e em segundo lugar, o fim da delação premiada. Quem fará delação premiada se o indiciado terá quatro instâncias superiores para apelação até ser o crápula definitivamente condenado (ou absolvido), o que demandaria pelo menos 20 anos? Para o bem de todos e felicidade geral da nação, que se feche o STF.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

PESADELOS ACONTECEM

Por Humberto de Luna Freire Filho

CABRESTO – INSTRUMENTO ELEITORAL BRASILEIRO
Resultado de imagem para imagem para cabresto
IMAGEM: Escola de Cavalo

Não sem motivo, ontem tive um pesadelo. Há mais ou menos uns trinta dias, li sobre uma pesquisa de opinião do Datafolha mostrando que Luiz Inácio Lula da Silva liderava as  intenções de voto, para as Eleições 2018. Isso ficou gravado no meu subconsciente. Nada mais, nada menos que um salafrário, corrupto e sem caráter que é réu em cinco ações na Justiça Federal no âmbito das operações Lava Jato e Zelotes.

Esse canalha,  ex-presidente, é o preferido em intenções de voto em todos as simulações de primeiro turno em que participa para a Presidência da República. Triste país que tem um substrato eleitorado composto por analfabetos, semi analfabetos, alienados e uma significativa parcela de dirigentes corruptos. E para completar existe a obrigatoriedade do voto, o que consolida o famoso voto de cabresto.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

PODEMOS CHAMAR UM MUQUIFO DE CONGRESSO?

Por Humberto de Luna Freire Filho

Resultado de imagem para imagem para muquifo

Só para “tentar” entender, gosto de aprender: já que os partidos políticos são entidades privadas por que recebem dinheiro público? Um exemplo são os R$ 3,6 bilhões, aliás dinheiro que nem existe disponível, liberados para um fundo público de campanha. Uma decisão vergonhosa dessa leva de bandidos que infestam o Congresso Nacional, no momento em que o país enfrente uma grave crise econômica, com 14 milhões de desempregados e uma economia a beira do caos.

Congresso, Câmara, deputados, tudo isso soa a democracia, mas apenas em uma nação civilizada, nunca nesse atual submundo que estamos mergulhados, onde os ditos  representantes do povo não passam de gente sem ética, sem caráter, um bando de imorais, salvo raríssimas  exceções. Esse muquifo erroneamente chamado de Congresso Nacional, verdadeiro antro de corrupção e sorvedouro de recursos público, deveria ser fechado para o bem do povo e felicidade geral da nação.

Humberto de Luna Freire Filho, médico

Facebookmail

UM CONGRESSO IMORAL

Por Humberto de Luna Freire Filho
Resultado de imagem para imagem para um congresso imoral
IMAGEM: Portal Militar

Resultado de imagem para imagem para um congresso imoral
Imagem: Isa Lima  – blogger

Como já era esperado, esse Congresso podre acaba de aprovar com ampla maioria  o Distritão  e o financiamento público de campanha no valor de R$ 3,6 bilhões. Dinheiro esse que servirá para  reeleger essa quadrilha e  mantê-la blindada contra a operação Lava Jato. Pergunto, que moral tem esse congressinho para votar uma reforma política? Reforma política tem que ser feita pelo povo. Esses antiéticos e imorais que infestam o Legislativo deveriam ter seus bens, na grande maioria produto de roubo, sequestrados e  apodrecerem na cadeia.

Humberto de Luna Freire Filho. médico

Facebookmail